Filmes premiados

confira a lista completa

Julia Zakia


Diretora e Diretora de fotografia

É formada em audiovisual pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), com ênfase em direção e fotografia. Desde 2004 trabalha nas duas funções, alternadamente.  Ao longo dos últimos anos, dirigiu um longa e cinco curtas metragens, selecionados nos mais importantes festivais nacionais e internacionais.

O longa-metragem RIO CIGANO foi desenvolvido junto à Superfilmes em associação com a produtora Gato do Parque Cinematográfica e acaba de ser finalizado. O projeto participou do workshop de roteiro e produção criativa, realizado no Chile pela Ibermedia e Uniacc (2008), tendo ganhado também o prêmio de desenvolvimento de roteiro da IBERMEDIA.

Alguns projetos culturais:

Como diretora

  • Supermãe – (em desenvolvimento, 90min, Ficção)
  • Rio Cigano – (2013, DCP, 80min, Ficção) – Festival do Rio, Mostra de São Paulo, Tiradentes, Femina Fest, Viña del Mar, Mostra de Cinema e Direitos Humanos (Prêmio TV Brasil Kit Democratizando)
  • Planeta Fábrica – (em produção, DCP, 20min, DOC)
  • Pedra Bruta – (2009, 35mm, 8 min, EXP)
  • Tarabatara – (2007, 35mm, 23 min, DOC)
  • A Estória da Figueira – (2006, 35mm, 18min, Ficção)
  • Suíte Anonimato – (2005, 16mm, 5 min, Ficção)
  • O Chapéu Do Meu Avô – (2004, DV, 28 min, DOC)

Como diretora de fotografia

  • Como Fotografei Os Indios – de Otávio Cury (2015, DCP, 90min, DOC)
  • O Periscópio – de Kiko Goifman (2013, DCP, 90min, Ficção)
  • O Aborto dos Outros – de Carla Gallo (2008, 35mm, 72 min, DOC)
  • Transando com Laerte – de Claudia Priscila e Pedro Marques (Canal Brasil 2015)
  • HIPER REAL – de Kiko Goifman, (SESC TV 2009/2010)
  • Robna Kuca-Pop Culture in Ex Yugoslavia – de Igor Stoimenov (TVRTS- Belgrado/Sérvia 2009)
  • Mãe de Ouro – de Mônica Palazzo (em finalização, DCP, 15 min, Ficção)
  • O Silêncio da Pedra – de Luciana Barreto (2015, DCP, 15min, DOC)
  • Licuri Surf – de Guile Martins (2011, 35mm, 15min, DOC) – Menção Honrosa Berlinale/ Melhor Fotografia Festival de Triunfo.

Prêmios:

Melhor música original e melhor desenho de som no festival Cinema Mundo por Pedra Bruta no Festival de Havana (2009).

Melhor Fotografia no Festival de Cinema de Triunfo / Menção Honrosa no Festival de Vitória 2008 / Menção Honrosa na Mostra do Filme Etnográfico / Seleção coletânea revista BREF MAGAZINE por Tarabatara.

Melhor Fotografia de Filme Estudantil no Semana ABC em 2007/ Prêmio de melhor fotografia no Kodak Filmschool Competition por A Estória da Figueira.

Prêmio especial da cinemateca Iugoslava no Belgrade International Film Festival (2004) por O Chapéu Do Meu Avô.

Menção Honrosa Berlinale / Melhor Fotografia Festival de Triunfo por Licuri Surf (2011).


Voltar