Confira a programação completa

Emilie Lesclaux



Produtora

Emilie Lesclaux nasceu na França e mora desde 2002 no Recife, Brasil. Formada em ciências políticas, trabalhou dois anos no Consulado Geral da França para o Nordeste, no Serviço de Cooperação e de Ação Cultural. Nesse período, ficou responsável pelos assuntos de cooperação cultural e audiovisual. De 2005 a 2008 foi assessora cultural e responsável pelo cineclube da Aliança Francesa do Recife. Desde 2005 é sócia da produtora pernambucana CinemaScópio, onde assume responsabilidades de produção de filmes. Desde 2008 é produtora e co-diretora da Janela Internacional de Cinema do Recife, que na sua última edição exibiu mais de 120 filmes, com um público de cerca de 20.000 pessoas. Em 2008, produziu o curta-metragem Recife Frio, de Kleber Mendonça Filho, selecionado em 40 festivais e vencedor de 32 prêmios. Em 2010, produziu seu primeiro longa de ficção, O Som Ao Redor (Neighboring Sounds), dirigido por Kleber Mendonça Filho, selecionado em mais de 100 festivais de cinema, e vencedor de 32 prêmios. O filme foi escolhido um dos 10 melhores filmes do ano pelo New York Times e representou o Brasil no Oscar, na categoria de melhor filme estrangeiro. Em 2014, ela produziu Sem Coração (Heartless), um curta-metragem de Tião e Nara Normande, selecionado em mais de 50 festivais (entre os quais a Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes e o Festival de Clermont Ferrand) e vencedor de 28 prêmios. Entre 2012 e 2015, ela produziu três longas de Recife: Permanência, de Leonardo Lacca (lançado em 2015 nos cinemas), O Ateliê da Rua do Brum, de Juliano Dornelles (em finalização), e Aquarius, o segundo longa metragem de Kleber Mendonça Filho, estrelado por Sonia Braga. Aquarius estreou na competição principal do Festival de Cannes em maio de 2016. Está sendo distribuído em mais de 150 paises e ganhou 34 prêmios em festivais. Atualmente trabalha em mais 5 projetos de filmes e uma série de documentários para televisão.

 


Voltar