Inscrições abertas para oficinas e master classes da Feira Audiovisual


 

A 19ª Goiânia Mostra Curtas abre nesta terça-feira, 6, as inscrições para oficinas e master classes. Entre os temas, estão estratégias de criação, processos de coprodução internacional, direção de fotografia e de séries de TV. Os interessados podem se inscrever até 17 de setembro pelo site www.goianiamostracurtas.com.br. As vagas são limitadas. Após a divulgação dos selecionados, taxa de validação da inscrição é de R$ 30 para oficinas e R$ 20 para master classes.

As oficinas serão ministradas pela diretora de fotografia Heloísa Passos e pelo diretor e roteirista Fernando Coimbra. Estarão à frente das master classes a produtora Rachel Ellis e também o artista e cineasta Gabriel Mascaro. Todos os profissionais têm reconhecimento nos cenários do audiovisual nacional e internacional.

As atividades fazem parte da programação da Feira Audiovisual, que acontece dentro do festival e tem como objetivo fomentar o mercado com profissionalização, incentivo à capacitação e discussões sobre o setor. A programação vai de 9 a 12 de outubro na Vila Cultural Cora Coralina.

“A escolha de convidados foi pensada para que os participantes conheçam e explorem um formato de produção com parcerias dentro e fora do Brasil. São diretores, produtores e cineastas capacitados e especializados, que trabalham tanto em áreas técnicas quanto criativas e buscam parcerias não só em fomentos locais, mas também fora do País”, ressalta a diretora-geral do Goiânia Mostra Curtas, Maria Abdalla.

A diretora-geral do festival enfatiza ainda que a internacionalização de filmes, seja nos trabalhos de coprodução ou busca por fomentos internacionais, é também uma saída para o mercado audiovisual. Sendo assim, as oficinas e master classes da Feira Audiovisual reforçam esse entendimento de encontrar meios de viabilizar projetos e produções de forma diferenciada.

 

Oficinas e Master Classes

Uma das oficinas tem como tema A luz e a composição dos quadros na imagem em movimento. Ministrada pela diretora de fotografia Heloisa Passos, ela abordará os princípios básicos da direção de fotografia: a luz, o enquadramento e o movimento de câmera. O objetivo é mostrar como pensar a direção de fotografia em todos estágios de um filme de longa-metragem, passando pela leitura do roteiro, pré-produção, filmagem e pós-produção.

Para quem deseja saber mais sobre direção de séries de TV, tem a oficina do diretor e roteirista, Fernando Coimbra. Nela serão discutidos os processos de realização das séries O homem da sua vida (HBO), Narcos (Netflix), Outcast (FOX), Dilema (Netflix) e Terrores Urbanos (Record e Warner Channel), dos quais ele participou da direção; o trabalho de colaboração com os produtores e showrunners; as diferenças na colaboração com atores e equipe técnica em relação a produção de um longa-metragem; e as diferenças entre a produção de séries no Brasil e nos Estados Unidos.

Os produtores e diretores interessados em aprofundar conhecimentos sobre processos e mecanismos de coprodução internacional para cinema poderão participar de master class com a produtora Rachel Ellis. Nele, as discussões vão refletir sobre o porquê realizar um filme em regime de coprodução, compartilhando estratégias para “achar seu coprodutor ideal” e sobre as possiblidades de captação de recursos internacionais. Já a master class Pesquisa e Processo, com artista e cineasta Gabriel Mascaro, discutirá estratégias de realização e o processo criativo a partir de experiências e estudo de caso.

 

Em busca de novos parceiros

O festival é realizado pelo Icumam Cultural e Instituto e, até o momento, conta com o patrocínio do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul – BRDE, Fundo Setorial do Audiovisual – FSA, Agência Nacional do Cinema – Ancine, Caixa e Governo Federal; e apoio da Unimed, Sesi Go, Sebrae Go, Fecomércio Go e Sesc. O Icumam busca outros parceiros junto a empresas, parcerias institucionais e organizações do terceiro setor para sua realização.

 

Inscrição – Oficinas 

Inscrição – Master Classes