Marcos e Arnaldo (DF)


Sinopse

Marcos é um menino de 10 anos, que vive em um abrigo/orfanato e não quer ser adotado devido a um trauma deixado pelo pai violento e alcoólatra. Ao tentar sabotar mais uma tentativa de adoção, ele, acidentalmente, provoca um pequeno incêndio, que faz com que todas as crianças sejam levadas para uma casa de repouso para idosos, temporariamente. Lá, Marcos acaba conhecendo Arnaldo, um senhor com deficiência intelectual. Arnaldo conta que sua irmã, Ariane, o colocou no asilo contra a sua vontade, após a morte de seus pais, e que ele ainda tem uma casa, onde cresceu e foi feliz. Na calada da noite, eles decidem fugir em busca da casa dos pais de Arnaldo, em uma jornada extraordinária de maturidade e amizade. Ariane, que é delegada, vai atrás do irmão, acompanhada por Miriam, a diretora do abrigo/orfanato. O que elas não sabem é que o pai de Marcos também está procurando o filho.

Guilherme Sadeck Cunha – roteirista

Guilherme Sadeck Cunha é um roteirista brasileiro, natural de Brasília, se formou em Cinema e Mídias Digitais pelo Instituto de Ensino Superior de Brasília – IESB em 2011. Durante e após a faculdade participou da produção de diversos curtasmetragens, sendo alguns de sua autoria como: Desacordos (2011) onde escreveu, dirigiu e montou. Foi o seu projeto de conclusão de curso. Incapaz (2015) onde escreveu, dirigiu e produziu. O filme ganhou o prêmio motivacional do Festival Internacional de Filmes Curtíssimos e também foi exibido em festivais na China, Estados Unidos, Índia e Itália. Escuro (2016) onde foi roteirista e diretor.
De 2018, para 2019, esteve no programa intensivo de roteiro da VFS (Vancouver Film School – Canadá), onde se especializou na escrita dos vários segmentos do audiovisual. Lá realizou o curta Smack (2019) onde foi produtor e o curta Burden (2019) onde foi produtor e roteirista. Como resultado do curso, Guilherme escreveu diversos roteiros aos quais estão em fase de captação. Como por exemplo: Marcos e Arnaldo o qual ficou no top 6 do Scripta Palooza Fellowship e foi selecionado ao Festival de Oaxaca (MX). Também o curta de animação Rotina Selvagem que foi selecionado ao FAC 2020. E a série Espírito Materno foi selecionada para a Rodada de Negócios do ROTA 2020 e encontra-se em captação.
Guilherme trabalhou como professor particular de roteiro. Foi assistente de roteiro na série República 70. Trabalhou como adaptação de roteiro no projeto Curto! Podcast. Foi jurado no festival de roteiro: Script + (2020). Desde 2020, é leitor e analista de roteiros do site americano Coverfly.

Santiago Dellape – diretor

Realizou um longa-metragem, dois telefilmes e seis curtas que ganharam mais de 40 prêmios. É mestrando em Artes Cênicas pela Universidade de Brasília (UnB), onde se formou em Audiovisual e Jornalismo. Pós-graduado em Gestão Cultural e Artes Visuais (Senac), estudou Cinema e TV no curso de verão da UCLA (EUA). “A Repartição do Tempo”, seu 1º longa-metragem, foi distribuído nos cinemas e premiado no 37º Fantasporto, em Portugal. Dirigiu o Telefilme de Natal “Meio Expediente”, coproduzido pela Globo Filmes e exibido em 77 países pela Globo Internacional. É concursado na Câmara dos Deputados há 11 anos e ocupa o cargo de editor-chefe da “TV Câmara”. Sócio do roteirista Davi Mattos na empresa Nada Consta, hoje produzem seu 2º longa-metragem, “O Verão da Lata”, com orçamento de nove milhões de reais e distribuição da Warner Bros.

Walder Jr. – produtor

Em 2006, concluiu os cursos de Roteiro Avançado e Roteiro para SITCOM, na Escola Internacional de Cinema e Televisão de San Antonio de Los Baños/Cuba (EICTV). Em 2010, fundou a Kocria Produções e Serviços Audiovisuais LTDA, empresa especializada em Gestão de Projetos e Soluções Criativas para o Audiovisual. Em 2012, tornou-se Bacharel em Cinema pelo Centro Universitário IESB e durante seis anos foi Produtor Audiovisual e Consultor em Mídias Digitais na Ligocki Entretenimento, reconhecida produtora audiovisual da região centro oeste. No fim de 2017, começou a se dedicar exclusivamente à Kocria Audiovisual. Entre seus principais trabalhos no Mercado Audiovisual relacionados à produção estão: Produtor do Seminário no 46º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro “Estratégias para o Desenvolvimento das Pequenas Empresas do Audiovisual Brasileiro” (2013); Assistente de Finalização no longa-metragem de ficção “O Último Cine Drive-in” (2015), de Iberê Carvalho; Produtor Executivo do “Núcleo Criativo da Ligocki Entretenimento” (2015), onde participou do ciclo de desenvolvimento e escrita dos roteiros de dois longas-metragens de ficção e três séries (duas de ficção e uma documental); Assistente de Produção no longa-metragem de ficção “Uma Loucura de Mulher” (2016), de Marcus Ligocki Jr.; Diretor de Produção/Produtor Lançamento no longa-metragem documentário “O Fantástico Patinho Feio” (2018), de Denílson
Felix; Produtor do Curso “
Da Criação ao Roteiro“, com Doc Comparato, celebrando 40 anos de carreira do roteirista, em parceria com a Cult (2018);
Produtor de Veículos Históricos de Cena no longa-metragem de ficção “
Eduardo e Mônica” (2019), de René Sampaio; Produtor Executivo e Co-produtor do longa-metragem de ficção “Valentina” (2020), de Cássio Pereira dos Santos; e Produtor das duas primeiras temporadas do “Curto!”, canal que transforma roteiros de curtas-metragens não realizados do Distrito Federal em podcasts (2020/2021).

icumam cultural e instituto

producao@icumam.com.br
www.icumam.com.br
Fone: 62 3218 3779.

Viela da rua 124, nº166 Qd.F-23, Lt.30
Setor Sul - Goiânia-GO
Caixa Postal nº 337
74.001-070